Tropa de Elite 2

Cinema, Sociedade

“Missão dada, parceiro, é missão cumprida.” Capitão Nascimento

Eu sou uma pessoa do contra: quando não assisto a filmes que mal tenho com quem comentar, demoro meses para ver um filme que todo mundo viu. Pois só hoje, finalmente, assisti a Tropa de Elite 2.

O lado bom é que vi com outros olhos, longe do período eleitoral, longe dos acontecimentos no Rio de Janeiro no fim do ano passado, longe de qualquer passionalidade que interferisse diretamente em todas as discussões que o filme propõe. Sem dúvida, eu passarei muito tempo a repensar um punhado de questões, mesmo que não haja qualquer conclusão. Porque talvez seja esta a primeira grande questão, que nós brasileiros insistimos em não fazer: questionar.

Além disso, é muito bom ver um grande filme. Minha alma cinéfila, mesmo aos sobressaltos, agradece.

Quem quiser ler a ótima crítica de Pablo Villaça, aqui.

Anúncios

Um comentário sobre “Tropa de Elite 2

  1. Por falar nesse íncrivel filme, seu roteirista, o Bráulio Mantovani, está com um texto em cartaz no teatro Sesi. Parece ser legal. A peça chama menecma. Beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s