Os Belos e Belo Monte

Sociedade

[…] Pra mim, são tão ignorantes em assuntos de represas no Pará como quase todo mundo com quem eu falei antes de escrever essa coluna, se bem que, admitamos, muito mais fotogênicos. Mas, mesmo sendo pra lá de mais bonitos e reconhecíveis do que eu ou o senhor aqui ao lado, eles falam tanta besteira quanto qualquer um, e isso me irrita.

[…] Não deem texto, provem. Do jeito que vocês falam, encenando, eu não tomo como sério o que é dito. A moça vem e diz “24 bilhões” e soa como o Dr. Evil falando “One billion dollars” com o dedinho na boca. Dona, diga aí qual é o PIB brasileiro em 2010, e quantos por cento do nosso PIB, a nossa riqueza nacional, a hidrelétrica vai custar, diluída por 50 anos? Vosmecê sabe? Ó aqui a minha boquinha enquanto ela diz, assim: D-U-V-I-D-O.

[…] Se vamos escapar do fogo ou do gelo, é pela inteligência, como sempre foi e será. E desse debate, por tudo que eu vi, ela está longe, muito longe, muito mais longe do que o Pará, e muito menos inteligente do que precisa ser para ser.

Marcelo Carneiro da Cunha, trechos de Os Belos e Belo Monte.
Para ler o texto completo, aqui.

*

Assisti ao referido vídeo, mas nem me darei o trabalho de publicar. Raso feito um pires. Assunto de tamanha importância tem de ser discutido de maneira séria. E não posso levar a sério um punhado de atores falando de coisas que não entendem. Salvo no caso da Letícia Sabatella e do Marcos Palmeira. Esses sim estão nessa história há tempos. Mas Maitê Proença tirando o sutiã para ficarmos mais à vontade e assinarmos uma petição? Sinto muito. A minha inteligência precisa de muito mais do que isso. E o mais engraçado é que agora todo mundo entende de usina hidrelétrica e impacto ambiental. Estudar para que se posso assistir a um vídeo de poucos minutos e depois ler o Trending Topics do Twitter, néam?

*

A propósito, eu não estudei o assunto. Li pouquíssimo a respeito. Quando eu resolver fazer isso, posso me atrever a dar uma opinião.

Anúncios

Um comentário sobre “Os Belos e Belo Monte

  1. Olá, minha querida,

    Sobre este assunto também sei pouco. Tenho acompanhado o que a Eliane Brum escreve sobre o mesmo e alguns links que porventura aparecem no twitter. Ontem uma amiga minha publicou o vídeo que referes e até partilhei. Eu entendo o que vc escreve sobre isto. É realmente um vídeo superficial e, convenhamos, nada a ver a Maitê tirando soutien. Achei o vídeo interessante na medida em que pode sensibilizar as pessoas para o assunto. A realidade é que grande parte da população só dá atenção para um assunto se for uma celebridade a dar a cara. Infelizmente. Não deveria ser assim. Acho que aí o impacto será sempre maior se for um actor/actriz da Globo… Mas em qq em lado é assim.
    O que dizes é verdade, de repente, todas as pessoas viram especialistas e tem opinião “fundamentada”, né? ;))
    Eu gosto de pensar que o saldo pode ser positivo, que pode servir para uma futura reflexão e busca de informação.
    Mas isto sou eu, este ser utópico 😀

    Um beijo grande e um fim-de-semana lindo para ti!!

    Cátia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s