Mais um dia

Escritos, Literatura

Abriu-se nela um mar de alegria: um dia entre tantos outros, especial como poucos, que surge de quatro em quatro anos. Quando acordou e olhou para o mundo pela fresta da janela, sentiu que era possível ter o que quisesse.

Findou o dia
e foi como um outro qualquer.

“Mais um dia”, texto do meu livro Primeira frase de um livro não escrito.
Para comprar, aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s