Meu corpo, minhas regras

Cinema, Sociedade

Na entrega do prêmio de melhor documentário do júri oficial do Festival do Rio ao filme “Olmo e a gaivota”, a diretora Petra Costa fez este discurso.

Na página do filme no Facebook, os comentaristas de portal deram o ar da graça e soltaram uma série de ofensas e agressões. Em resposta, a equipe fez este vídeo.

Não é possível explicar como essas palavras mexeram comigo, especialmente o final: “O que é ser uma mulher?”, “O que é uma mulher?”.

Quem quiser assistir ao trailer do filme, aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s