Luciano do Valle cantou a bola de Bárbara

Internet

Quem ama futebol. Quem amava as narrações do Luciano do Valle. Quem sabe o quanto ele amava o esporte e o quanto ele incentivava o futebol feminino. Este texto desmanchará o coração de quem reconhece tudo isso. Eu chorei.

“Quando Pinilla mandou aquela bola no travessão do Mineirão no Brasil X Chile de 2014, ele havia acabado de chegar. Como sempre fez com elegância, quando não concorda com algo, prefere o silêncio. Ou o trabalho bem feito. Contra a Alemanha, na semifinal da Copa, ele não disse nada para o novo patrão. Mas pensou quanto diria ao microfone que tão bem usou por mais de 50 brilhantes anos.

“Quando a australiana mandou em 2016  um balaço no mesmo travessão do Mineirão, ele resolveu se levantar. Não falara nada em 2014 que tanto sonhou com a Copa por aqui. Mas agora, com as meninas que sempre tratou tão bem, que tanto levantou a bola, já era demais!”

Para continuar lendo o texto, aqui.

Mauro Beting, em “Luciano do Valle cantou a bola de Bárbara. Brasil 7 X 6 Austrália, nos pênaltis”.

Romance em doze linhas

Literatura

quanto falta pra gente se ver hoje
quanto falta pra gente se ver logo
quanto falta pra gente se ver todo dia
quanto falta pra gente se ver pra sempre
quanto falta pra gente se ver dia sim dia não
quanto falta pra gente se ver às vezes
quanto falta pra gente se ver cada vez menos
quanto falta pra gente não querer se ver
quanto falta pra gente não querer se ver nunca mais
quanto falta pra gente se ver e fingir que não se viu
quanto falta pra gente se ver e não se reconhecer
quanto falta pra gente se ver e nem lembrar que um dia se conheceu

Bruna Beber, em “Romance em doze linhas”.

24 conselhos

Escritos, Internet

No Facebook, às vezes acontecem uns desafios muito bacanas, iguais a este. Gostei tanto que trouxe para cá.

Pedi ao Júlio para participar da brincadeira e ele pediu para eu fazer uma lista das 24 coisas que eu diria à Cássia de 24 anos. Como é uma lista longa, eu tentei ser sucinta. Quem quiser participar também, fale nos comentários e eu darei uma idade para você. Hoje eu tenho 37 anos e, se eu pudesse, diria:

  1. Você está vivendo um dos períodos mais legais da sua vida. Aproveite, porque tem dia e hora para acabar.
  2. Não seja tão passional, jogue um punhado de racionalidade nesse mar de sentimentos. A vida não é uma novela mexicana.
  3. Se um homem não te ama, esperar por ele não fará esse amor nascer.
  4. Você mudará de profissão mais de uma vez e fará mil outras coisas. Está perdendo o seu sono à toa.
  5. Além do teatro, você passará por outras artes, mas só ele vai te acolher como pessoa e te respeitar como artista. Valorize isso, você sentirá falta mais tarde.
  6. Esse seu grande amor pelas palavras será recompensado, sua dedicação não será em vão.
  7. Os textos que você começou a publicar em um blog se tornarão um livro daqui uns bons anos. Escreva muito mais, facilitará o meu trabalho.
  8. Quando a grande tempestade chegar, duas pessoas não soltarão a sua mão: o seu pai e a sua mãe. Eles merecem o seu amor e o seu cuidado eternos. Comece a retribuição desde já.
  9. Pense antes de falar para que a sua língua solta não machuque as pessoas sem a menor piedade.
  10. Seja mais gentil e amorosa. Você será assim mais tarde, mas não custa começar agora.
  11. Você vai aprender os diversos significados da palavra dor. Não se desespere, porque vai passar.
  12. Ouça as histórias da sua família porque elas também são a sua história.
  13. Aceite o amor que lhe dão, não exija o amor que não querem lhe dar. Leve isso pra vida.
  14. Para saber se um homem vai te respeitar, descubra como ele trata a própria mãe e as demais mulheres da família. Isso te poupará de muitas coisas.
  15. Você é mais bonita do que imagina, independentemente do que qualquer pessoa pense a esse respeito.
  16. “Conseguir algo na vida” não significa “O que o dinheiro pode comprar”. Vão te dizer o contrário, mas não acredite.
  17. Para poucas coisas na vida existe uma idade-limite. Salvo as limitações físicas do tempo, você pode fazer o que quiser, quando você quiser.
  18. Você tentará silenciar o seu coração e os seus olhos se fecharão para os problemas do mundo por um punhado de anos. Não faça isso, você vai se arrepender.
  19. Você continuará deixando de viver-ter-conseguir muitas coisas graças a sua conduta ética. Por maiores que sejam as suas dúvidas, valerá a pena.
  20. O amor não é o que você pensa. O sofrimento e as lágrimas são lindos na literatura, não na vida.
  21. Aprenda a reconhecer as pessoas que amam você, são elas que farão diferença nos seus dias.
  22. Aceite o que a vida lhe der, seja dor ou dádiva. Se veio para você, é seu.
  23. Não compre todas as brigas, só as que valem a pena. Como reconhecê-las? Se for para o bem da sua vaidade, desista. Se for para o bem de alguém, entre no ringue sem medo.
  24. Você sentirá um grande orgulho da mulher que você se tornou. Nada nem ninguém tirará isso de você.