Tretas e afins

Sociedade

Sabe essa história de arrumar treta com quem pensa diferente? Então…

Anúncios

Semiótica da magia

Literatura

“A palavra inglesa spell ainda hoje significa tanto ‘soletrar’ quanto ‘fórmula de encantamento’. A velha palavra germânica runa não designava somente as letras do alfabeto rúnico, mas também ‘feitiço’ ou ‘encantamento mágico’. O domínio das letras foi aparentemente associado ao domínio da magia. A palavra inglesa glamour, que significava antigamente ‘bruxaria’ e ‘palavra mágica’, era uma corrupção popular da palavra grammar (gramática): para o povo, o conhecimento da gramática era evidentemente um saber mágico.”

Winfried Nöth, em “Semiótica da magia”, Revista USP, n.31.
Para baixar o artigo completo, aqui.

Gênero na escrita

Sociedade

“Então, qual é o meu ponto? Não há uma resposta definitiva, ela é uma resposta a depender de quem seja a sua audiência e o momento. Eu só queria provocar que qualquer que seja a sua escolha, ela seja uma escolha inclusiva, inclusiva para todas aquelas pessoas que venham a ler. Escrever no feminino ou no masculino tem implicações políticas e de representação, mas ele ainda é inclusivo para todas as pessoas em diferentes formas de se aproximar de um texto escrito.”

Debora Diniz, trecho do vídeo “Gênero na escrita”.

 

Sotaques

Internet, Literatura

A Porto Editora produziu o belíssimo “Sotaques”: falantes de língua portuguesa de diversos países lendo um texto de Valter Hugo Mãe, “O Paraíso são os outros”. O vídeo será cedido gratuitamente ao Museu da Língua Portuguesa, que atualmente está em processo de reconstrução.

Quem ama a literatura, a palavra, a língua portuguesa e os sotaques se desmanchará de amor. Confesso, eu chorei.

“Sotaques”, Miguel Gonçalves Mendes e Porto Editora.