Durante a tormenta

Cinema

Duas tempestades separadas por exatos 25 anos: a nova moradora de uma casa encontra o seu antigo morador por meio de uma fita cassete. Ela o salva de morrer atropelado no passado e assim muda o curso de duas histórias, a dele e a sua. Agora ela corre contra o tempo para reencontrar a própria filha.

Parece um mote comum, mas deu origem a um belo filme: uma história bem contada e um final de enternecer o coração.

O trio principal é conhecido por quem gosta de obras espanholas e argentinas: Adriana Ugarte, do filme Julieta (2016) e da série O tempo entre costuras (2013-2014); Álvaro Morte, da série La casa de papel (2017-2021); e Chino Darín, do filme Uma noite de 12 anos (2018).

Durante a tormenta (2018) é dirigido por Oriol Paulo, o mesmo diretor do ótimo Um contratempo (2016). Ambos estão disponíveis na Netflix.


Trailer de Durante a tormenta (2018), Oriol Paulo.

Cafarnaum

Cinema

Desde a adolescência, eu escolho um filme ou o episódio especial de alguma série para assistir no dia do meu aniversário. Antes eu ia à locadora, hoje eu passeio pelas plataformas de streaming.

Fiz aniversário mês passado e o meu escolhido da vez foi Cafarnaum (2018), dirigido pela Nadine Labaki. O filme conta a história do menino Zain, que resolve processar os pais por ter nascido.

A sua decisão não é aleatória, ele sofre violência constantemente. Isso não tem a ver com a pobreza da família, temos uma outra história semelhante como contraponto. Sim, as necessidades básicas de uma criança passam diretamente pelas condições financeiras, mas cuidado, amor, afeto e segurança também são a base da formação de qualquer criança.

O filme é triste, mas carrega uma beleza singular. A força motriz do filme é o protagonista e a cena final é uma delicadeza. Difícil não chorar.

Cafarnaum (2018) está disponível na Amazon Prime.

Trailer legendado do filme Cafarnaum (2018), Nadine Labaki.